Memórias e esquecimentos

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Meu codinome é Laércio, mas meu nome  verdadeiro é beija flor

Por que no fim eu queria ser palhaço: Enfrentei alturas, tempestades, domadores, desafiei tiranos, fui sutil, passei despercebido, mantive a alma pura, obedeci, me curvei, andei em muitas cordas bambas, carreguei tralhas e pesos, desfiz laços, magoei-me, perdoei-me, olhei as crianças, andei com as crianças, envelheci, subi em arvores, calei-me sempre, não venerei deuses, meu nome e todos os nomes que me chamei sem saber, não me corrompi por nada, mantive a rabugice, fui utópico, mantive a insanidade, acumulei truques e lirismos,Cultivei plantas, conheci , convivi, amei grandes pessoas, busquei ver a beleza das coisas, busquei ver a feiura das coisas, cultivei a solidão, atravessei a cidade as cegas com a coragem de um menino, aprendi sobre o que eu sei, Vivi Infinitamente dentro, cultivei risos frouxos na tua boca, expus meus intimo e ridículo, conduzi por vielas e ruas não indicadas, tive alteridade, mergulhei no escuro para ver o clarão surgindo, alimentei meu olhar, inventei mil faces, parei quando tive que parar, me vi no olhar de um velho, provei do mel, amarguei, suportei ofensas e enxovalhos, ri freneticamente de minhas próprias mancadas e bobagens, ludibriei a todos fingindo ser o que quisessem, dei uma flor praquela moça bonita, mantive o meu chapéu vermelho, passei limpo por minhas fúrias, vibrei com a graça no mundo, amei e fui amado, morri dezenas de vezes, amorteci as quedas, aprendi sobre o tempo de chorar e de sorrir, recolhi-me a nenhum significado, expandi, criei calos, observei as nuvens que se moldam, me despedi, me despeço e me reencontro todos os dias.


Por que no fim eu queria ser palhaço 
Laercio Nicolau
TUDO TENS DE MIM
NADA TENS DE MIM
ME RETENHO.
Laercio Nicolau

terça-feira, 12 de maio de 2015

Baby,

...olhe o passado.  o sol mudou, modificou o céu , a cidade não é mais a mesma e meu coração já não bate  um. bate dois,descompassado...
Laercio Nicolau