Memórias e esquecimentos

terça-feira, 8 de março de 2016

Ao silêncio da sereia
e aos transtornos que ela me causou
que me remeto agora
Bebi e me inebriei de tua boca nua
Dias, séculos e milênios
ao me retornar, meia luz nos olhos
Te expus em meus sonhos e loucuras
misturei minha vida a teus anseios
e aos ventos marítimos fui lançado
Em pequenas balsas de esquecimento
atravessei até aqui, nesse rio que ainda corre
-Repentina, a tua voz mudou tudo-

... 
Laercio Nicolau